Notícias


Reajuste salarial dos Trabalhadores Vigilantes foi definido após negociação difícil

16/03/2017

Processo de negociação deixou claro que a categoria precisa se mobilizar mais





 

A negociação salarial que determinou o reajuste para a categoria dos Vigilantes em 2017 foi bastante difícil. Como sempre, a posição patronal foi muito dura e faltou pressão por parte do conjunto da categoria. Após sete rodadas de negociação se conseguiu chegar a um acordo via Conciliação Judicial, onde a Desembargadora do Trabalho Drª Mari Eleda Migliorini e a procuradora Regional do Trabalho Drª. Cinara Sales Graeff fizeram a proposta conciliatória de 5.44% (INPC Integral do mês de fevereiro). Com muita briga, realizada por aqueles trabalhadores que participaram das assembleias e atividades convocadas pelos Sindicatos, e com estado de greve, foi possível arrancar uma proposta no vale alimentação de R$17,50, para R$ 19,00 reais, resultando assim num aumento de 8,57% de reajuste no vale. Confira no Link, Informativos o Termo da Segunda Audiência de Conciliação. 

 

Em breve estaremos disponibilizando a Tabela Salarial. Aguardem.

 




Notícias Anteriores


TERCEIRIZAÇÃO: Câmara analisa retenção de 20% do valor do contrato com terceirizada para pagamento de multas e FGTS
Congresso “Organizar e fortalecer para romper barreiras” da CONTRASP é pauta em reunião da Diretoria Executiva Nacional
Negociação do Transporte de valores, não tem acordo.
JUNTOS SOMOS MAIS FORTES
Sintravasc solicita Mediação na DRT/SC para as Negociações
Posse da Nova Diretoria do SINVAC LAGES
Expediente Feriado de Corpus Christi
Primeira rodada de Negociação do Transporte de Valores de SC
Parabéns Vigilantes!
As centrais sindicais aprovaram a realização de uma nova greve geral

Página: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38