Notícias


Manoel Dias assina portaria que regulamenta periculosidade para vigilantes

03/12/2013


O Presidente da FEVASC agradece ao Ministro a assinatura da Regulamentação para todos! Mais uma conquista para os (as) vigilantes do nosso Brasil! Foram anos de luta que agora podemos comemorar a vitória!





Com o objetivo de melhorar as condições de trabalho para os profissionais da segurança pessoal e patrimonial, o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, assinou nesta segunda-feira (02) portaria que aprova o Anexo 3 na Norma Regulamentadora nº 16 (NR-16), que trata das atividades e operações perigosas.

A portaria define que as atividades que expõem os profissionais a roubos ou violência física são perigosas e regulamenta o adicional de periculosidade, no valor de 30%, para os vigilantes, aprovada pela Lei 12.740, de 8 de dezembro de 2012.

Durante o ano, os técnicos da Secretária de Inspeção do Trabalho (SIT) e representantes de empregadores e trabalhadores se reuniram sobre o tema para obter um consenso no texto assinado pelo ministro. A portaria será publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (3) e entra em vigor a partir da data.

No ato de assinatura, o ministro destacou a importância do processo tripartite de elaboração da norma. “A portaria é o fruto de um amplo debate tripartite realizado no âmbito do Ministério do Trabalho. Não há maneira melhor de fazer um entendimento senão pelo diálogo”, declarou.

O deputado distrital Chico Vigilante (PT) afirmou que esse é um momento histórico. “Foi uma luta aprovar esse adicional de periculosidade. Apesar das divergências, esse é um novo momento. Estamos muito felizes”, declarou. O presidente da Confederação Nacional de Vigilantes e Prestadores de Serviços, José Boaventura, relembrou que foram mais de 17 anos de luta. “Essa portaria representa a valorização da nossa profissão. Vigilantes de todo Brasil estão muito satisfeitos com essa regulamentação”, comemorou.

NR – O MTE elabora e revisa as Normas Regulamentadoras (NR) que garantem um trabalho seguro e sadio e previne a ocorrência de doenças e acidentes de trabalho. A construção desses regulamentos ocorre de forma tripartite e por meio de comissões. O ministro do Trabalho e Emprego também assinará, esta semana, outras portarias com alterações pontuais nas Normas Regulamentadoras de Segurança e Saúde do Trabalho.

Assessoria de Comunicação Social/MTE

(61) 2031-6537/2430 - acs@mte.gov.br




Notícias Anteriores


A FEVASC parabeniza a todas as mulheres! Dia 8 de março! Dia Internacional da mulher!
Confira nosso expediente no feriado de carnaval.
Começa a tramitar ação para corrigir FGTS que vale para todo o país
Vítima de tentativa de assalto quando transportava valores vai receber indenização
Aprovado reajuste para categoria do Asseio e Conservação
Mercado formal gerou 1,1 milhão empregos em 2013, diz Caged
Bradesco indenizará gerente que transportava valores e foi demitido após assalto
VII festa de confraternização do Sinvac Lages e Região
Feliz Natal e Próspero Ano novo! São os votos da Diretoria da Fevasc.
Empresas de segurança são multadas em 538 mil pela Polícia Federal

Página: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38