Notícias


PF para e atende só casos de emergência

10/08/2012


PF para e atende só casos de emergência
 

A paralisação de agentes da Polícia Federal, que começou ontem em todo o país, afetou o atendimento ao público na delegacia de Itajaí. Somente casos de emergência são encaminhados aos agentes que estão trabalhando. Os grevistas mantêm 30% do efetivo em operação.

Os principais serviços afetados são a emissão de passaportes, certidões de uso de produtos químicos controlados, fiscalização de empresas de segurança privada, registro de armas, concessão de porte de armas e atendimento a estrangeiros. A expectativa é de que a paralisação possa, também, impactar os trabalhos nos portos da região, já que cabe à Polícia Federal autorizar a entrada de estrangeiros e liberar a saída de navios. Para o representante de Itajaí do Sindicato dos Policiais Federais de Santa Catarina, Rafael Firpo, a greve é por tempo indeterminado.

– Até lá, quem procurar a Polícia Federal e tiver urgência comprovada, será atendido. Para casos como passaporte de urgência, registro de estrangeiros ou cadastro de empresas de segurança privada, vamos atender.

Os agentes querem a reestruturação de salários e de carreiras. O Brasil tem 6,5 mil agentes, 2 mil escrivães e 700 papiloscopistas, conforme dados da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef). O salário-base de agente é de R$ 7.514 e delegado varia entre R$ 13.368 e R$ 19,7 mil.

Em Itajaí, as greves de outras outras categorias afetam as operações no porto. A paralisação dos servidores a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Receita Federal e Ministério da Agricultura prejudica a liberação de cargas.

Ontem, a Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc) obteve liminar da Justiça Federal, para garantir que os auditores da Receita realizem o desembaraço aduaneiro.

 
Fonte: Diário Catarinense




Notícias Anteriores


Fevasc apoia a luta dos bancários por reajuste decente, ampliação das conquistas e mais segurança nos bancos.
Mais de 2,5 mil caixas eletrônicos são destruídos pelo Brasil em três anos
RAIS: Brasil gerou mais de 2,2 milhões de empregos com carteira assinada
Programas de combate à violência contra a mulher devem ser institucionalizados em estados e municípios
Súmula do TST regula jornada especial de 12x36
TST aprova súmula sobre novo aviso prévio
Juízes de SC são os que mais informaram INSS sobre condenações por acidente de trabalho
Eleições: Pela 1ª vez, candidaturas femininas superam percentual definido em lei
secretário de Relações do Trabalho comenta igualdade de gênero
SEMINÁRIO Trabalho Infantil, Aprendizagem e Justiça do Trabalho

Página: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38